Faleiro desenvolve embalagem com atmosfera modificada para sua linha de salgados

Produção mineira de cana-de-açúcar deve crescer 3,3% nesta safra
24 de August de 2016
Faleiro é destaque no Diário do Comércio
26 de September de 2016

Faleiro desenvolve embalagem com atmosfera modificada para sua linha de salgados

Para ampliar o perfil dos estabelecimentos que comercializam os produtos de sua linha de salgados, a Faleiro Food Service desenvolveu uma embalagem com atmosfera modificada

Com ela, estabelecimentos tais como drogarias, padarias, pequenos mercados e empresas de vending machine, que não tem a disponibilidade de um freezer, podem oferecer o produto com a mesma qualidade e sabor, podendo acondicioná-los em refrigeradores.

A embalagem em atmosfera modificada é uma tecnologia que amplia o shelf life dos produtos e, no Brasil, é muito utilizada pelas indústrias alimentícias, mas a Faleiro é a única a utilizar a embalagem em uma linha de salgados. Mensalmente já são distribuídos 130 mil salgados em embalagens com atmosfera modificada pela indústria mineira.

A empresa investiu R$ 300 mil na compra de três equipamentos alemães e busca a matéria prima fora do estado para atender a sua demanda. À embalagem especial, denominada embalagem com barreira, são injetados uma mistura balanceada de gases inertes que impedem a entrada do oxigênio e consequentemente a proliferação de bactérias, ampliando o shelf life do produto de 24 horas sob refrigeração para 14 dias, sem qualquer perda de sabor e qualidade e sem qualquer utilização de conservantes.

Para adaptar a embalagem aos produtos da Faleiro, a empresa também investiu em pesquisa. “Foi necessário entendermos o equilíbrio ideal da mistura dos gases, levando em conta a especificidade dos nossos produtos, uma vez que o nível de umidade de um salgado pode ser diferente do outro”, explica Antônio Faleiro Neto, presidente da Faleiro Food Service.

Com a introdução da embalagem com atmosfera modificada, a Faleiro conseguiu ampliar o perfil dos pontos de venda que comercializam seu produto. “Passamos a atender estabelecimentos onde anteriormente não estávamos presentes pela falta do equipamento que mantenha temperaturas de congelamento. A oportunidade que oferecemos em colocar os salgados armazenados em refrigeração, ampliou o nosso nicho de mercado drasticamente. Passamos a atender farmácias, padarias, minimercados, operadores de vending machines e quiosques que anteriormente não tinham a relação comercial conosco”, explica Antônio Neto.

Outra característica importante é que uma vez que são resfriados, os produtos levam apenas 40 segundos para serem aquecidos, “o que é um fator importantíssimo em clientes com picos de atendimento, tais como lanchonetes que operam em empresas com grande número de funcionários e horários pré-estabelecidos para o intervalo, como operadores de telemarketing, por exemplo. Com esse tempo de aquecimento, é possível agilizar muito a operação e o atendimento no ponto de venda”, explica o executivo.

De olho no futuro

A embalagem em atmosfera modificada é um método de conservação de alimentos que proporciona um aumento da vida útil do produto e melhora a visibilidade nos pontos de vendas, garantindo aspectos importantes como sabor, textura e segurança alimentar.

De olho no futuro, Antônio Neto explica que pretende ampliar essa tecnologia para as linhas de refeições e sobremesas que também são fabricadas pela empresa.

 

Fonte: Interface Comunicação

 

Comments are closed.